Cuidados com o cachorro durante queima de rojões no Ano Novo

Cuidados com o cachorro durante queima de rojões no Ano Novo

Saiba ter os devidos cuidados com o cachorro durante queima de rojões no Ano Novo, e evite um grande transtorno emocional para seu amigão de quatro patas.

Seu cão tem medo de fogos de artifício? Fica estático, corre para se esconder ou uiva e chora sem parar?

É preciso dar proteção ao seu peludinho, pois ele está pedindo ajuda!

Lembre-se de que seu cão não tem a mínima ideia do que seja ano novo, muito menos que o barulho dos rojões é uma prática de comemoração dos humanos.

cachorro-com-medo-de-rojão

Seu cachorro tem medo de rojões? Então você precisa protegê-lo da maneira correta.

Procedimentos de segurança 

Antes de sair, certifique-se de que seu cão ficará dentro de casa. O ideal é colocá-lo para dentro antes de escurecer.

Se a festa de réveillon for em sua casa, então procure por algum amigo ou familiar que possa ceder um espaço que iniba sons exteriores para abrigar seu cão.

Outra opção é hospedá-lo em um hotel para cachorro, o que lhe garantirá maior tranquilidade, pois haverá profissionais cuidando de seu amigão de quatro patas.

Dentro de casa 

Se você optar por deixar o pet dentro de casa, é preciso fechar todas as cortinas. Esse procedimento evita a entrada das luzes dos fogos que também assustam os animais de estimação.

Para que não fique totalmente escuro, deixe a televisão ligada. Além de iluminar o ambiente, o som da TV disfarça o barulho dos rojões.

Medicamentos

Não deixe de consultar um veterinário, ocasião em que você deve relatar o comportamento de seu cão em ocasiões como o período de queima de fogos de artifício.

Há casos em que uma medicação é prescrita para evitar o estresse excessivo de cachorros por causa do barulho de rojões.

Não administre medicações por conta própria. Existem substâncias que anestesiam o pet, mas não tratam o medo que ele sente.

Ou seja, ao invés de procurar por uma medida paliativa, o que precisa ser feito é dar início a um tratamento que busque sanar episódios de pânico do animal.

Adaptação auditiva

Uma maneira de fazer o peludinho não estranhar tanto o barulho dos fogos de artifício é dessensibilizar a audição canina.

Como?

Frequentemente, coloque para tocar sequências sonoras de chuva com trovoadas, fogos de artifício, viaturas policiais, ambulâncias, aplausos, ou outros sons. Procure acostumar seu pet a barulhos desconhecidos.

O que assusta o animal é escutar, de repente, uma avalanche de sons com os quais ele não está acostumado.

Mas se os sons não forem completamente estranhos à sua audição, o pânico será menor ou sequer existirá.

Entretanto, os sons para adaptação auditiva devem ser executados de forma gradativa, notando sempre até qual nível de barulho o pet consegue suportar.

Então faça com que os sons emitidos por rádio ou computador se unam aos barulhos cotidianos, com áudio baixo, aumentando o volume à medida que perceber seu pet cada vez mais indiferente ao que escuta.

A adaptação ao barulho também faz parte dos cuidados com o cachorro durante queima de rojões.

Por que os cães têm medo de rojões?

A audição de um cachorro é de cinco a sete vezes mais sensível que a de um ser humano.

Cada cachorro reage de uma forma ao escutar uma queima de fogos. Por isso, há cães que não se alteram diante do barulho.

Assim, há os peludinhos que latem sem parar, assim como há os que se escondem e só saem do seu cantinho de refúgio muito tempo depois dos estrondos.

Em casos mais preocupantes, o pet pode fugir por estar em estado de pânico.

Além disso, existem cachorros que por não entenderem o que está havendo, para se proteger, tornam-se agressivos.

Tudo isso devido à sua sensibilidade auditiva.

Muitos donos tentam tranquilizar seu cão, abraçando-o ou explicando o que está acontecendo. Mas os resultados são nulos. Essa medida pode fazer com que o medo do pet continue no mesmo estágio ou aumente ainda mais.

Lembre-se de que seu cão não faz a mínima ideia do que está havendo, ou do que você está lhe explicando com palavras.

O ideal é assumir um método de treinamento e adaptação adequado para o universo pet.

chihuahua

É importante não alimentar o medo do cão. O ideal entre os cuidados com o cachorro durante queima de rojões é distraí-lo ao invés de tentar impedir que ele ouça os rojões.

Durante a queima de fogos

Uma maneira de acalmar seu pet é tentar distraí-lo. Trata-se de um dos cuidados com o cachorro durante queima de rojões, que deve ser colocado em prática.

Se vocês estiverem juntos, não o deixe sozinho. Tampouco alimente o medo do animal. Jogue com ele uma brincadeira da qual ele goste bastante.

Dessa forma, ao  brincar com seu pet durante o barulho dos fogos, ele aos poucos se acalmará, logo não interpretando mais os estrondos como algo extremamente excepcional, pois verá que seu dono reage normalmente ao acontecimento.

Entretanto, para que esse procedimento funcione, é preciso perceber o grau de pânico do animal.

Castigo, jamais! 

Em hipótese alguma castigue um animal que mostre sinais de medo, pois isso só fará com que ele se sinta mais coagido, traumatizando-o e aumentando episódios extras de pânico.

Ou seja, nem o conforte, nem o reprima.

É importante lhe dar atenção, mas agindo como se nada de anormal estivesse acontecendo.

Deixe seu cão em casa ou em um hotel pet!

Por mais que você ache a queima de fogos da virada de ano incrível, seu cão nem faz ideia de que há mudanças de ano. Os cachorros, assim como os demais animais, não seguem um calendário especificado por números de dias e meses.

Por isso, o melhor a fazer é deixar o amigão de quatro patas em um local em que ele esteja bastante confortável.

Logo, mantê-lo protegido é fundamental, pois é bastante recorrente episódios de fuga durante os barulhos dos rojões.

Os fogos de artifício têm barulho estrondoso, emitem efeitos luminosos muito fortes, o que é incompreensível para um cão. É por isso que os peludinhos entram em pânico.

Incidentes: fundamentais cuidados com o cachorro durante queima de rojões

Deixando o pet em local seguro, vários incidentes são evitados, tais como a fuga em meio à multidão, não podendo mais ser encontrado por seu dono.

Mesmo que o cachorro esteja preso à corrente, o pânico é tão grande que sua agitação é capaz de lhe dar força o suficiente para rompê-la.

A fuga também pode acabar em atropelamento, uma vez que o cão corre de forma tão desesperada, sendo incapaz de ficar atento a perigos reais, como carros na rua.

Ele não é capaz de entender de onde vem o barulho. Tampouco compreender o porquê de tanto alvoroço.

Para um pet, por ter a audição mais sensível que a humana, os estrondos são altos demais, portanto amplificados, e ressoam por toda parte.

Em meio a isso, o cachorro se vê em uma situação de perigo.

Se estiver em meio à multidão, ocasião com a qual não está acostumado, ele se assusta ainda mais, por isso acaba fugindo.

Cognição animal

O cachorro não é capaz de saber que os barulhos têm um tempo determinado, portanto não sabe que os estouros logo cessarão.

Em outras palavras, seu amigão de quatro patas simplesmente se sente em total perigo.

Os animais não absorvem a queima de fogos como comemoração. Ou seja, eles não têm cognição para compreender esse hábito humano.

Em outras palavras, eles não têm a capacidade de associar estrondos intensos e extremamente altos a um evento específico.

Infelizmente, ele não pode se acalmar sozinho, compreendendo que todo o barulho logo terminará.

Então, deixá-lo em casa ou em um hotel para cachorro é a melhor alternativa.

Hospede seu cachorro no Club Pet

Hospede seu amigão de quatro patas no Club Pet e garanta companhia para seu animal de estimação no Ano Novo.

Aqui os cães ficam 100% soltos e em companhia por 24h.

Procurando hotel para cachorro RJ? Venha para o Club Pet!

Deixando seu peludinho aqui, você pode comemorar a virada de ano tranquilamente, pois enviamos notícias de seu pet por redes sociais como Facebook, Instagram e WhatsApp. Aproveite para nos seguir!

Entre em contato para tirar dúvidas e aproveite para conhecer nossa hospedagem para animais.

Além de uma hospedagem segura para seu pet, ele terá muito amor e carinho!

Um grande abraço da Equipe Club Pet!

Outras Matérias

Leave a Reply